Pular para o conteúdo

As cores e as sensações que transmitem

Informação importantíssima para os profissionais do design pois esses se dedicam a criar peças que transmitem ideias onde as cores são elemento fundamental do processo criativo.

Estudos laboratoriais mapearam os efeitos de algumas cores no cérebro e os resultados a seguir vão auxiliá-lo(a) a pensar seus projetos. Confira:

Vermelho

  • Parte afetada: O vermelho também age diretamente na amígdala, que é responsável por regular o comportamento sexual, a agressividade, o medo e a memória emocional. E também aciona o Núcleo Accumbens, ligado à sensação de prazer.
  • Resposta transmitida: O vermelho é interpretado pelo cérebro como elemento sexual, transmitindo excitação, virilidade e dinamismo.

Laranja

  • Parte afetada: Atinge diretamente o sistema de recompensa, responsável por reproduzir a experiência prazerosa.
  • Resposta transmitida: Sugere confiança, amizade e alegria. Estimula áreas da vida que requerem mudança, expansão e dinamismo.

Branco

  • Parte afetada: Afeta o córtex cerebral esquerdo, responsável pelo raciocínio lógico e habilidades de comunicação.
  • Resposta transmitida: Implica pureza e dá uma impressão brilhante. Associado a outras cores, proporciona harmonia.

Azul

  • Parte afetada: Atinge o córtex pré-frontal, a parte responsável pelo raciocínio lógico e as habilidades de comunicação.
  • Resposta transmitida: Os tons escuros referem-se à força. Tons mais claros transmitem frescor e higiene. Diferentes nuances de cor estão associadas à produtividade e ao sucesso.

Amarelo

  • Parte afetada: Afeta diretamente o sistema de recompensas e é responsável por reproduzir experiências agradáveis.
  • Resposta transmitida: Transmite a mensagem de transparência na negociação ou foco no lucro. Implica otimismo, clareza e calor.

Diante desse mini guia de cores e seus efeitos no sistema nervoso humano é possível fazer a escolha mais assertivas em suas criações.

Compartilhar